Tipos de feminismo

Luta.
Cada vez mais entendemos que o verdadeiro significado do dia da mulher é esse.

Feminismo é o nome dessa luta.

Para começo de conversa, o que é feminismo? O feminismo é um movimento coletivo que luta contra as opressões impostas às mulheres desde que o mundo é mundo.

Existe uma diversidade muito grande (e importante) de pautas que devem ser debatidas e visibilizadas dentro do movimento, por isso, vemos vários “tipos” de feminismo por aí, com bases teóricas diversas e que entendem essas pautas feministas de formas diferentes.

Aqui, queremos expor um pouquinho sobre o que alguns dos “tipos” de feminismos debatem.

Feminismo negro

O primeiro passo para entender o feminismo negro é perceber que as mulheres negras e brancas sofrem com opressões diferentes. As mulheres negras, além de lidar com machismo, também encaram cotidianamente o racismo.

No começo do movimento feminista as pautas levantadas falavam muito mais sobre as necessidades das mulheres brancas, assim, as mulheres pretas se organizaram para debater suas próprias pautas.

Transfeminismo

O transfeminismo debate as pautas relacionadas às pessoas trans e a transfobia, que são invisibilizadas mesmo dentro do movimento feminista e LGBT. O principal questionamento aqui é sobre identidade de gênero e o sexo biológico. O que define o que é ser uma mulher?

Feminismo Marxista

A partir da teoria marxista, esse feminismo busca entender como as mulheres são oprimidas dentro de uma sociedade capitalista. O capitalismo utiliza a opressão de gênero para perpetuar a opressão econômica.

Mas e a interseccionalidade?

A interseccionalidade é uma forma de entender como todos essas lutas podem interagir na sociedade. Não é exatamente uma teoria, mas demonstra como diversas opressões podem atuar juntas nas dinâmicas sociais.

Por exemplo, entender que gênero, raça e classe estão atuando simultaneamente sem se excluirem.

Indicações de Leituras/conteúdos.

Bora entender um pouco mais sobre esses temas?

Esse texto não segue rigorosamente as nomenclaturas utilizadas no meio acadêmico/teórico, por isso não usamos o termo vertentes, já que nem todos os feminismos expostos aqui se encaixam nessa categoria teórica.

Caso você tenha interesse em saber mais sobre as pautas feministas, aqui vão alguns livros pra você ficar de olho!

Mulheres, raça e classe – Angela Davis
O mito da beleza – Naomi Wolf
Pensamento Feminista: Conceitos Fundamentais – Org. Heloísa Buarque de Holanda
E eu não sou uma mulher?: Mulheres negras e feminismo – Bell Hooks

Fontes:
https://medium.com/qg-feminista/quais-s%C3%A3o-as-principais-vertentes-do-feminismo-ae26b3bb6907
https://www.youtube.com/watch?v=08A7PD-frxo&t=804s
https://www.youtube.com/watch?v=tXhEqfe0JY8&t=2s

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.